terça-feira, novembro 27, 2012

Sacrifícios de Merda


Você mergulharia aqui? 

Assisti um vídeo que me deu nojo (veja você mesmo com seus próprios olhos logo após o texto). Trata-se de um “Pastor” da Igreja Mundial do Poder de Deus, mergulhando no Rio Tietê, cercado de dejetos, fezes, ou no popular: merda! Desculpem o termo, mas não encontro uma palavra melhor para descrever toda essa ignorância e mau caratísmo em nome de um Deus que nem de longe é o Deus Santo que se revelou aos homens, tornando-se como um na pessoa de Jesus.

O cara entra na imundície com fotos de pessoas “desesperadas” por um milagre e diz que está fazendo isso seguindo o exemplo de Naamã, um militar Sírio que ficou leproso e curou-se banhando-se 7 vezes no Rio Jordão. A história é descrita no livro bíblico de II Reis, e conta-nos que o próprio Naamã relutou a fazer o que o profeta Eliseu mandou, por achar que o Jordão era muito sujo. Não quero entrar no contexto veterotestamentário da coisa, apenas cabe dizer que o relato bíblico não tem nada a ver com a insanidade desse Picareta (ou iludido), discípulo do Valdomiro Santiago.

Esse tipo de atitude, é revestido com a aura mística do sacrifício. E sempre, esses falsários usam passagens do Antigo Testamento para demostrarem como os heróis da fé eram abençoados após realizarem sacrifícios. Dar uma prova da sua fé é um pilar dessa teologia desvirtuada, descontextualizada e antiética. Queria evitar dizer o que vou dizer, mas lá vai: É uma Teologia de Merda!

Quero só mencionar o texto de Gálatas 5 onde o apóstolo Paulo diz: “Foi para a liberdade que Cristo nos libertou. Portanto, permaneçam firmes e não se deixem submeter novamente a um julgo de escravidão.” Não é preciso comentar mais nada, já esta muito claro: Não somos escravos da Lei. Fomos libertos pela Graça! Essa questão de sacrificar, principalmente seu salário, é balela. Trata apenas de cascata para alimentar as contas bancárias de homens que não tem escrúpulos. Parasitas que, por causa da ignorância das escrituras de um povo molestado desde os tempos coloniais, se reproduzem aos montes, ganhando assim de maneira repugnante, imensas somas em dinheiro no crescente mercado da fé.

Existe um outro texto do Antigo Testamento, que porém não é citado por essa corja de ladrões. Nele o profeta Oséias anuncia: “Pois desejo misericórdia, não sacrifícios, conhecimento de Deus, em vez de holocaustos.” Obedecer é melhor que sacrificar, assim falou outro profeta ao povo (Samuel). E é verdade. Vemos cada vez mais, dentro das igrejas, pessoas interessadas nas bençãos, sacrificando coisas na intenção de receber outras e sair no lucro. Esquecem de ser misericordiosos, esquecem de amar. São soberbos, mesquinhos e mentirosos. Parem já com seus sacrifícios de merda e voltem-se para Deus com obediência e devoção:

"Se vocês me amam, obedecerão aos meus mandamentos. “

João 14:15



3 comentários:

  1. A palavra mais rica da língua portuguesa é a palavra merda. Esta palavra de origem francesa MERD pode mesmo ser considerada um coringa da língua portuguesa.

    Alguns exemplos:

    Como indicação geográfica 1: Onde fica essa merda ?


    Como substantivo qualificativo("é adjetivo, seu merda"): Você é um merda!

    Como auxiliar quantitativo: Trabalho pra caramba e não ganho merda nenhuma!

    Como indicador de especialização profissional: Ele só faz merda.

    Amigo Thiago é com uma certa INDGNAÇÃO que comento este MAGNÍFICO TEXTO... Usar este termo com mais de 1001 utilidade para descrever UM ATO VERGONHOSO, UM ATO IDIOTA, UM ATO ACANALHADO UM ATO DE um “Pastor” da Igreja Mundial do Poder de Deus, mergulhando no Rio Tietê, é algo que de fato me deixa idgnado, caro IRMÃO, FILÓSOFO, PROFESSOR E AMIGO THIAGO. Sábia é a palavra que diz: “Não deis aos cães as coisas santas, nem deiteis aos porcos as vossas pérolas” (Mt 7.6) e “não fales aos ouvidos do tolo, porque desprezará a sabedoria das tuas palavras” (Pv 23.9). Sei que entendes o que postei e tenho certeza que nossa luta contra este tipo de absurdos nunca será em vão. Parabéns e que o Bom Deus continue nos dando coragem força e aumente a cada dia nossa fé para que não nos contaminemos com tanta MERDA, êita desculpa!!!

    ResponderExcluir
  2. Filósofo, eu? Só se for de merda...hehehe...
    Obrigado meu amigo Luís, sou apenas mais um indignado com o pseudocristianismo...

    Abraço!!!

    ResponderExcluir
  3. Eu não tô acreditando nisso!!!!! Eca!

    ResponderExcluir